Ally Smart Check-ins e a SmartAL – são os projetos vencedores do Santa Casa Challenge Extra COVID-19, a edição especial do concurso de inovação digital da Casa do Impacto da Santa Casa da Misericórdia de Lisboa para soluções de combate ao isolamento dos idosos.

A Ally Smart Check-ins apresentou uma solução de monitorização de idosos que usa inteligência artificial, som e movimento para alertar através de um aplicativo móvel para quando os estes precisam de assistência.

Já a SmartAL é uma solução desenhada para suportar serviços de Ambient Assisted Living que permite acompanhar, em tempo real, seniores e doentes crónicos, assim como situações de convalescença ou follow-up pós-hospitalar.

Devido à pandemia da COVID-19 e à necessidade de uma resposta rápida às consequências sociais que provoca, a Casa do Impacto da Santa Casa da Misericórdia de Lisboa lançou a edição extra do concurso anual de inovação digital que premeia projetos de impacto social e ambiental.

O Santa Casa Challenge Extra COVID-19 dedicou-se em especial a projetos que respondessem às necessidades específicas dos idosos em situação de confinamento profilático ou isolamento social provocada pela COVID-19. Em cerca de um mês o concurso reuniu 74 projetos candidatos de todo o território nacional e também projetos internacionais vindos do Brasil, Itália, Reino Unido, Bélgica e Alemanha.

Destes, dez foram selecionados para a sessão de pitch, que apurou os vencedores. A short list contava com projetos de áreas tão diversas como gamificação, plataformas de gestão de informação e staff, SaaS, Inteligência artificial e aplicações mobile ligadas à área farmacêutica, à inclusão para apoio à deslocação dos idosos, ao apoio e monitorização, robotização social, telemonitorização digital e acompanhamento em tempo real de seniores doentes crónicos, entre outros.