A Casa do Impacto esteve à conversa com Ana Filipa Rocha, um dos elementos da equipa da 3dprint4good, um projeto que participou na primeira edição do RISE for Impact.

Durante as próximas semanas vamos conversar com outros participantes e mostrar-te que o RISE for Impact é o programa de aceleração certo para desenvolveres o teu projeto de impacto. Candidata-te à próxima edição e junta-te à comunidade que faz a diferença.

A 3Dprint4good é uma solução que permite imprimir objetos em 3D, adaptados a pessoas com deficiência ou incapacidade permanente. O projeto desenvolve soluções para organizações que queiram explorar a construção de produtos de apoio personalizados adequados aos seus clientes e às suas necessidades e também empresas que queiram contribuir, em formato de mecenato, para melhorar a qualidade de vida desta população.

 

Como tiveram conhecimento do RISE e porque decidiram participar? Em que fase estava o vosso projeto nesse momento?

Tivemos conhecimento do RISE pelas redes sociais. Desde o início, quando ouvimos falar da Casa do Impacto considerámos que o seu trabalho estava muito alinhado com os objetivos do nosso projeto, em particular, e com a nossa missão, no geral. Na altura estávamos a implementar o nosso projeto-piloto numa organização de apoio a pessoas com deficiência.

Durante a capacitação, o que consideram ter impactado mais o vosso projeto?

A oportunidade de testar e validar, primeiro, a própria ideia, e depois o modelo negócio e todos os passos que lhe são implícitos. Vermo-nos de fora, com algum distanciamento (emocional) do projeto e de uma forma objetiva e racional avaliar: o produto, a forma como o apresento e se é aliciante para o cliente? Se sim, como posso escalar? Se não, como melhorar? A ideia de negócio, é sustentável? E não menos relevante: tendo agora toda esta nova informação, é aqui que quero estar?

Qual a experiência de estarem integrados numa comunidade de impacto?

Estar perto de pessoas alinhadas com os mesmos valores e missão gera uma atmosfera de comunicação e de confiança que torna tudo mais fácil. Assistir de perto a projetos de impacto prosperarem, é também um incentivo, pois representa a validação da dedicação e do esforço de quem fazer parte desta onda de mudança.

Como cresceu o vosso projeto desde o momento em que iniciaram a primeira fase do programa até agora?

O 3dprint4good sempre foi, para todos os elementos que o integram, um side project complementar às atividades profissionais principais. E esse foi um dos insights que surgiu com o RISE: queríamos que assim continuasse. Um outro diz respeito à possível integração de novos elementos/parceiros na equipa, que possam potenciar o conceito. Estamos neste momento a definir a direção que queremos, para o futuro do 3dprint4good.

Para quais dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (Agenda 2030) da ONU é que acham que o vosso projeto mais contribui e de que forma?

No âmbito dos objetivos para o desenvolvimento sustentável, o projeto tem enquadramento naquele que diz respeito à redução das desigualdades (“…empoderar e promover a inclusão social, económica e política de todos, independentemente da idade, género, deficiência, raça, etnia, origem, religião, condição económica ou outra”). Melhorar os níveis de participação e a qualidade de vida da pessoa com deficiência foi sempre o nosso objetivo – e isto tem uma repercussão indiscutível no empoderamento e inclusão social destas pessoas.

Qual a mensagem que gostariam de deixar a quem se queira candidatar à próxima edição do RISE for Impact?

O RISE for Impact é o programa certo para quem quer pôr à prova e impulsionar o seu projeto de impacto.

Impressora 3D