Ler na Misericórdia

Abril a dezembro de 2019

Público adulto | Participação individual

Clube de Leitura

Clube de Leitura
Biblioteca da Santa Casa da Misericórdia de Lisboa
Abril a Dezembro de 2019

O Clube de Leitura da Santa Casa pretende ser um espaço de propostas de leitura e de reflexão conjunta, a partir de obras previamente selecionadas. A coordenação deste clube está a cargo do jornalista, tradutor e editor Carlos Vaz Marques.
Em 2019 vamos ler cinco livros relacionados com a temática da programação cultural da Santa Casa para 2019 e 2020: a Hospitalidade. A cada livro vamos dedicar duas sessões: as perspetivas enriquecedoras de uma primeira sessão, podem assim ser aprofundadas depois de um intervalo para reflexão, uma semana depois do primeiro encontro.

O APERTO DO PARAFUSO, de Henry James
30 de abril e 7 de maio | 18h30
Trata-se de um clássico publicado no final do século XIX por um dos mestres da língua inglesa: Henry James. “O Aperto do Parafuso” é uma história que tem merecido interpretações muito díspares, o que faz dela um excelente tema de debate. O ambiente gótico da obra tem como elemento central a sugestão de uma mansão assombrada por fantasmas, essas presenças espectrais encaradas desde sempre como a antítese da hospitalidade.

NADA, de Carmen Laforet
18 e 25 de junho | 18h30
Para o mês junho, a sugestão de leitura é um romance que revolucionou a literatura espanhola da segunda metade do século XX. “Nada”, de Carmen Laforet, é, num duplo sentido, uma obra de iniciação: foi o livro de estreia de Carmen Laforet, vencendo de imediato o mais importante prémio literário da época, o prémio Nadal, e conta a história de Andrea, uma órfã adolescente, confrontada com a estranha hospitalidade que encontra em casa de uma avó, ao mudar-se para Barcelona, pouco depois de terminada a guerra civil de Espanha.

LUANDA LISBOA PARAÍSO, de Djaimilia Pereira de Almeira
17 e 24 de setembro | 18h30
O romance “Luanda Lisboa Paraíso” foi incluído na lista dos melhores livros publicados em Portugal em 2018 e é a proposta de leitura para as sessões de junho. A história narrada nele por Djaimilia Pereira de Almeida é-nos simultaneamente próxima e distante: os protagonistas são Cartola de Sousa e o filho, Aquiles, emigrantes angolanos confrontados com o difícil processo de integração na sociedade portuguesa.

A MULHER DE BRANCO, de Wilkie Collins
22 e 29 de outubro | 18h30
Em outubro, leremos “A Mulher de Branco”, de Wilkie Collins, exemplo vibrante da literatura vitoriana, considerado um dos romances percursores da narrativa de mistério. No centro da história, William Hartright, é um professor de desenho que se instala em casa de um proprietário rural para dar aulas a duas jovens sobrinhas desse magnata; mas o leitor percebe desde o início que há, por detrás daquele ambiente de aparência hospitaleira, segredos inconfessáveis.

A MORGADINHA DOS CANAVIAIS, de Júlio Dinis
26 de novembro e 3 de outubro | 18h30
O último livro proposto para este primeiro ano do Clube de Leitura é um clássico da literatura portuguesa, escrito por Júlio Dinis. Publicado em 1868, “A Morgadinha dos Canaviais” é um romance cuja ação é desencadeada quando Henrique Souselas troca a vida na cidade pela hospitalidade da tia Doroteia, numa aldeia minhota, procurando no campo a cura para os achaques e as enfermidades de que é acometido. No Minho, encontrará não apenas ares mais sadios e uma bela canja de galinha mas também as intrigas locais e, acima de tudo, por portas travessas, o amor.

Entrada livre mediante marcação prévia. Máximo 25 participantes.

NOTA: Caso se inscreva e não compareça sem avisar previamente, deixará de se poder inscrever nas sessões seguintes.

PERGUNTAS E RESPOSTAS
SINOPSES E DATAS

INFORMAÇÕES / INSCRIÇÕES
Serviço de Públicos e Desenvolvimento Cultural
Direção da Cultura da SCML
Tel. 213 240 887 / 69 / 66
clubedeleitura@scml.pt