Pela primeira vez, Portugal esteve representado na final de um dos mais conceituados concursos mundiais de empreendedorismo, o Chivas Venture. A proeza foi alcançada pelo Speak, que não só chegou à final como ficou em terceiro lugar, entre 20 startups de todo o mundo. A grande final decorreu a 10 de maio no The Next Web (TNW), um dos maiores eventos na Europa dedicados ao empreendedorismo.

Este lugar traduz-se num financiamento de 110 mil dólares e é o melhor lugar de sempre para um projeto português neste concurso, que se realiza desde 2015. Para além dos 110 mil dólares relativos ao terceiro lugar, o Speak ganhou mais 10 mil dólares por ter ficado em quarto lugar na votação aberta ao público.

O Speak é uma das startups residentes da Casa do Impacto, o novo polo de empreendedorismo e inovação social da Santa Casa. Juntamente com a Academia de Código, “inauguraram” este novo espaço, tendo sido os primeiros residentes de uma comunidade que hoje já tem dezenas de startups.

O Speak é um programa linguístico e cultural criado para aproximar pessoas – uma partilha de línguas e culturas entre migrantes e locais que quebra barreiras, promove o multilinguismo, a igualdade e democratiza a aprendizagem das línguas. Qualquer pessoa se pode inscrever para aprender ou ensinar uma língua ou cultura, incluindo a do país onde reside.